domingo, 30 de dezembro de 2007

SAÚDE - Boletim Informativo Nº. 29 do Grupo Vontade de Viver


GRUPO VONTADE DE VIVER
De Apoio aos Portadores do Vírus da Hepatite C


BOLETIM INFORMATIVO No 29

Em dezembro de 2007, os serviços profissionais (voluntário) da psicóloga MARIA CHARBEL LIBÓRIO RIBEIRO foram suspensos, entretanto, a partir do dia 07.01.2008, o atendimento será retornado, sempre às segundas-feiras pela manhã. Quanto à nutricionista ANA CLÁUDIA DURAN, a previsão é de contarmos com os seus préstimos, a partir de fevereiro de 2008.

O Grupo Vontade de Viver, participou da solenidade de entrega de certificados e troféus, conferidos pela Central de Transplantes da Secretaria Estadual de Saúde (SESAB), no dia 19.12.2007. O Grupo foi agraciado com o certificado de “Amigo do Transplante”. Na ocasião, fomos informados pelo Coordenador de Transplantes, Dr. Eraldo Moura, dos avanços obtidos, a exemplo da captação de órgãos provenientes do interior do Estado. Destacou ainda que tem recebido total apoio do Secretário Estadual de Saúde, que também prestigiou o evento com a sua presença.

Outro fato digno de registro foi a inauguração da nova farmácia de medicamentos de alto custo do Hospital Manoel Vitorino, que aconteceu no dia 27.12.2007. O Grupo Vontade de Viver foi convidado e se fez representar pelo seu presidente e mais dois diretores. Na ocasião, estiveram presentes várias autoridades. O Secretário Estadual de Saúde, Dr. Jorge Solla, em seu discurso, enfatizou o trabalho do Grupo Vontade de Viver em prol dos portadores do vírus da hepatite C.

Destacamos também a continuidade da execução do projeto “DIVULGAÇÃO DA HEPATITE C NAS EMISSORAS DE RÁDIO DE SALVADOR, BAHIA”, que já obteve a adesão de 12 (doze) emissoras de rádio; também foram concedidas 2 (duas) entrevistas. O projeto prevê a adesão de, no mínimo 20 (vinte) emissoras de rádio e a concessão de 20 (vinte) entrevistas. Pretendemos ultrapassar aquela meta uma vez que esperamos contar com a adesão de TODAS as emissoras de rádio AM e FM de Salvador, além de algumas rádios comunitárias.

Está previsto, para o dia 23.02.2008 às 9h30, no auditório da FIOCRUZ-BA (Rua Waldemar Falcão,121-Brotas), uma palestra sobre NUTRIÇÃO, a ser proferida pela professora em nutrição Rosângela Mazza.

Diagnostico da fibrose por um teste de sangue

Pesquisadores da "Hepatitis B Foundation" uma organização não governamental dos Estados Unidos, junto com pesquisadores da "Drexel University College of Medicine" estarão publicando na edição de fevereiro de 2008 do "Journal of Virology" um estudo relatando a descoberta de um simples teste de sangue que poderá substituir a necessidade da realização de uma biopsia de fígado para se estimar o grau de fibrose ou cirrose.

O objetivo dos pesquisadores e a de se evitar a necessidade de uma biopsia em pacientes diagnosticados com uma infecção pelas hepatites B ou C ou com esteatose (gordura) hepática, procedimento hoje necessário para se estabelecer a conduta terapêutica a seguir.

O sucesso dos tratamentos nos indivíduos com doenças hepáticas depende do diagnostico precoce do dano no fígado.

O estudo, coordenado pelos Drs. Anand Mehta e Timothy Block comentam na edição on-line do Journal of Virology que eles testaram o sangue de pessoas diagnosticadas com fibrose ou cirrose, encontrando nessas pessoas níveis altos de um anticorpo especial que reconhece um carboidrato, observando uma correlação entre o nível encontrado e o grau de dano existente no fígado.

O Dr. David Thomas da Johns Hopkins School of Medicine acredita que se confirmada a descoberta a mesma será uma avanço fascinante e muito importante, pois o teste poderá substituir a biopsia, alem de poder informar dados sobre como acontecem as doenças que atacam o fígado e pesquisar medicamentos que possam combater os anticorpos agora detectados.

Uma nova fase da pesquisa, junto com o "National Cancer Institute (NCI)" será realizada em 300 pacientes com diversas doenças hepáticas e, conforme os resultados será dado inicio a uma nova fase em milhares de pacientes.

Se a pesquisa e confirmada e validada, um procedimento não invasivo estará disponível para substituir a biopsia do fígado, ficando a biopsia para casos especiais quando pelos resultados o médico assim o achar necessário.

Mais notícias no site do Grupo Otimismo:
hepato@hepato.com

Website do Grupo Vontade de Viver:
http://www.vontadedeviver.org.br/



Os Fundadores do Grupo com seus parentes e amigos ( clique na foto para ampliá-la )

Associe-se ao GRUPO VONTADE DE VIVER! Não cobramos taxas ou mensalidade. Para cadastrar-se acesse o item "Filie-se ao Grupo". Quanto mais associados o GRUPO tiver, maior a sua representatividade junto à Sociedade!
E-MAIL: contato@vontadedeviver.org.br
FONES: (71) 3321-7646/9985-1293/9961-5809/9104-0571

Rua Carlos Gomes,270-sala 110-Centro-Salvador-Bahia Horário de Atendimento: 9 as 12 e 14 as 17 horas de segunda a sexta-feira

Entidade de Utilidade Pública Municipal, Estadual e Federal

MÚSICA – The Bangles - Banda Feminina Californiana



The Bangles in publicity photo: Susanna Hoffs, Debbi Peterson, Michael Steele and Vicki Peterson.
Background information
Also known as The Supersonic Bangs, The Bangs
Origin Los Angeles, California,United States
Genre(s) Rock, Pop
Years active 1981–1988/2000–present
Label(s) I.R.S., Columbia, Koch
Website The Bangles.com
Members:
Susanna Hoffs
Debbi Peterson
Vicki Peterson
Former members
Annette Zilinskas
Michael Steele

THE BANGLES
Banda Feminina Californiana

YOU TUBE: http://www.youtube.com/watch?v=QywmIOMXJcI

WEBSITES: http://en.wikipedia.org/wiki/The_Bangles
http://www.thebangles.com/

The Bangles

The Bangles are an all-female band that originated in the early 1980s, scoring several hit singles through much of the decade.

History

Formation and early years (1981-1983)
The band was formed by sisters Vicki and Debbi Peterson in Los Angeles, California in 1981 as The Supersonic Bangs, later shortened to The Bangs. The band was part of the so-called Paisley Underground scene in LA, which featured groups that played a mixture of 1960s influenced folk-rock and jangle pop with a more modern punk-ish/ garage band undertone. They were forced to change their name to The Bangles when a band from New Jersey, also named The Bangs, threatened to sue. The initial Bangles line-up of Susanna Hoffs (vocals/guitars), Vicki Peterson (guitars/vocals), Debbi Peterson (vocals/drums) and Annette Zilinskas (vocals/bass) recorded at least one single as the Bangs, then made their recorded debut as the Bangles with a self titled EP, which was released on their manager Miles Copeland's Faulty Products label in 1982. Zilinskas subsequently left the band, and was replaced on bass and vocals by Michael Steele.

Career peak (1984-1989)
The Bangles' full-length debut album on Columbia, All Over the Place (1984), captured their power-pop roots, featuring the singles "Hero Takes a Fall" and the Kimberley Rew-penned "Going Down To Liverpool" (originally recorded by Rew's band Katrina and the Waves). The record attracted good critical notices, and the video for "Liverpool" featured Leonard Nimoy, which helped to generate further publicity.
All this went some way to attracting the attention of Prince, who later wrote "Manic Monday" for the group. Cover of Different Light, their bestselling album"Manic Monday" went on to become a #2 hit in the US, the UK and Germany, outsold at the time only by another Prince composition, his own "Kiss". The accompanying album Different Light (1986) was more polished than its predecessor and, with the help of the worldwide #1 hit "Walk Like an Egyptian", saw the band firmly in the mainstream as radio and MTV stalwarts. There was friction among band members after the media began singling out Hoffs as the lead singer of the group, due to Columbia Records practice of releasing mostly singles on which Hoffs sang lead vocal. In fact, the group's albums were fairly evenly divided among all of the band's members, all of whom wrote or co-wrote their songs. In 1987, Hoffs starred in a film, The Allnighter, which was directed by her mother, Tamar Simon-Hoffs, and was critically panned. That, and the firing of their manager Miles Copeland, further exacerbated the dissent among the band members. But they soon had another US #2 hit with a cover of Simon and Garfunkel's "Hazy Shade Of Winter" from the soundtrack of the film Less Than Zero, whereas on the other side of the Atlantic the melancholic "If She Knew What She Wants" reached the German Top 20. Cover of Eternal Flame 1988's Everything was another multi-platinum smash and included their biggest selling single in the soft ballad "Eternal Flame" which was inspired by Elvis Presley's eternal flames and one at a local synagogue in Palm Springs which co-writer Billy Steinberg attended. The single became another worldwide No.1 hit. The working relationships within the band had broken down, however, and they split shortly after, with Hoffs embarking on a solo career and Vicki Peterson touring as a member of the Go-Go's and the Continental Drifters.

Bangles go their separate ways
Hoffs released a solo album When You're a Boy, produced by former Bangles producer David Kahne. The album spawned a minor hit "My Side of the Bed",and a Cyndi Lauper penned "Unconditional Love", but it stalled, and Hoffs was dropped from Columbia during the recording of her second solo album. The second solo album Susanna Hoffs, released in 1996, fared better critically, but it too had disappointing sales. Hoffs married film director Jay Roach (Austin Powers and Meet the Parents), and their union led to the Bangles' reunion of 2000. Vicki Peterson joined and contributed songs to the New Orleans band the Continental Drifters, which received rave reviews. Debbie Peterson had a short-lived career with Siobhan Maher under the name of Kindred Spirit, while Steele lived in semi-retirement in California.

Bangles join forces again
In 2000, the Bangles re-formed to tour. The group was also inducted into the Vocal Group Hall of Fame in 2000. In 2001–2002 they recorded a new album Doll Revolution. A cover version of "Eternal Flame" was a 2001 UK #1 for Atomic Kitten. Doll Revolution, featuring such songs as "Stealing Rosemary", "Ride the Ride", "Nickel Romeo", and the single "Something That You Said", was released in early 2003. The title track was written by Elvis Costello, who initially recorded it for his 2002 album When I Was Cruel. Doll Revolution was a solid comeback success in Germany after the Bangles had performed in Germany's biggest TV show Wetten dass, but failed to make any impact in other important markets such as the UK, the U.S. and Australia. In 2005, the Bangles announced the departure of Michael Steele. Steele was replaced by Abby Travis for live appearances. Travis is not an official member of the group. On December 31, 2005, they reunited to perform "Hazy Shade of Winter" in front of Times Square and later performed "Eternal Flame" as part of Dick Clark's New Year's Rockin' Eve 2006. Their third holiday single, "Light My Way", is available as a download via iTunes. August 2007 saw the release of their first official live DVD, Return to Bangleonia - Live in Concert.

In popular culture
Like many other modern music groups, the Bangles have contributed to many other artists' works and to compilations. They provided the song "I Got Nothing" for the soundtrack album for the 1985 film The Goonies, and made a cameo appearance in Cyndi Lauper's music video for "Goonies 'R' Good Enough". Lauper later enlisted them for backup vocals in her 1986 hit song "Change of Heart". In 1988, while recording his album Full Moon Fever, Tom Petty and his lead guitarist Mike Campbell called on the group to provide backing vocals for the song "Waiting for Tonight". Unfortunately, the song never made it to the album, but instead made the compilations Playback and Anthology: Through the Years.[citation needed] In February 2001, the first-season Gilmore Girls episode "Concert Interruptus" involved a trip to see a Bangles concert, and featured cameos and music by the band. They also covered the Beatles hit "Good Day Sunshine" for the 2006 album All Together Now: Beatles Stuff for Kids of All Ages. Several artists have honored the Bangles, more or less, in their own songs. The Saw Doctors include an irreverant tribute to them, "I'd Love to Kiss the Bangles", on their 2003 album Play It Again Sham!. Alternative-country artist Robbie Fulks sings a wistful ode to "That Bangle Girl", a song identified as one of his "personal favorites", on his 2000 Very Best album.

Band members
Susanna Hoffs - vocals/guitars
Vicki Peterson - guitars/vocals/bass
Debbi Peterson - drums/vocals/bass
Annette Zilinskas - bass/vocals (1982-1983)
Michael Steele - bass/guitars/vocals (1983-2005)

Discography

Albums
Year Title US Chart UK Album Chart
1982 The Bangles (EP) - -
1984 All Over The Place 80 86
1986 Different Light 2 3
1988 Everything 15 5
1990 Greatest Hits 97 4
2003 Doll Revolution - 62


Singles
Year Title Chart positions Album Notes
US Hot 100 UK Official Chart
1981 "Getting Out of Hand" - - Locally released in USA only
1983 "The Real World (Remix)" - - The Bangles Promo-only release in USA only
1984 "Hero Takes a Fall" - 96 All Over the Place
1985 "Going Down to Liverpool" - 79 All Over the Place
1986 "Manic Monday" 2 2 Different Light Written by "Christopher" (Prince)[2]
1986 "If She Knew What She Wants" 29 31 Different Light
1986 "Going Down to Liverpool (re-release)" - 56 All Over the Place UK only
1986 "Walk Like an Egyptian" 1 3 Different Light
1987 "Walking Down Your Street" 11 16 Different Light
1987 "Following" - 55 Different Light UK only
1987 "Hazy Shade of Winter" 2 11 Less Than Zero soundtrack
1988 "In Your Room" 5 35 Everything
1989 "Eternal Flame" 1 1 Everything
1989 "Be with You" 30 23 Everything
1989 "I'll Set You Free (remix)" - 74 Everything
1990 "Everything I Wanted" - - Greatest Hits Continental Europe/Australia only
1990 "Walk Like an Egyptian (remix)" - 73 Greatest Hits UK only
1990 "The Eternal Mix" - - Greatest Hits Promo only, Spain only
2003 "Something That You Said" - 38 Doll Revolution
2003 "Tear Off Your Own Head" - - Doll Revolution Continental Europe & Japan only
2003 "I Will Take Care of You " - 74 Doll Revolution UK Only
2006 "Light My Way" - - - Download Only (iTunes)

DVDs, films
Year Title Comment
1982 The Haircut Cameo appearance
1990 The Bangles - Greatest Hits: Videos (VHS)
2003 Doll Revolution Bonus DVD
2005 The Bangles - Greatest Hits: Videos (DVD)
2007 Return to Bangleonia (Live DVD) Recorded live at House of Blues, Hollywood, September 2000

Trivia
Trivia sections are discouraged under Wikipedia guidelines.
The article could be improved by integrating relevant items and removing inappropriate ones.

Susanna Hoffs is the subject of Freddy Blohm's "The Corner of Her Eye".
Known as the main test media content for Discretix OMA DRM implementation.
In July 2004, The Bangles were made Companions of the Liverpool Institute for Performing Arts. In 1988 Vicki Petterson and former Kiss guitarist Vinnie Vincent wrote a song together, called "Make A Play For Her Now" for the Bangles' Everything album.

References
^ The Punkpopmod Archives The Bangs biography. Retrieved: Sept 15, 2006
^ a b Greenwald, Matthew. "Manic Monday: The Bangles: Song Review". All Music Guide. Retrieved on 2006-09-08.
^ a b Muze UK Ltd, Biography of The Bangles Retrieved: Sept 15, 2006
^ The Bangles Collective Biography. Retrieved: Sept 15, 2006
^ Stichting Nederlandse Top 40, 500 Nr. 1 hits uit de Top 40, page 261, 9023009444
^ nndb.com Biography Susanna Hoffs Retrieved: Sept 15, 2006
^ a b BBC Biography The Bangles Retrieved: Sept 15, 2006
^ Vocal Hall of Fame The Bangles page. Retrieved: Sept 15, 2006
^ theage.com.au "Bangles shake again" Retrieved: Sept 15, 2006
^ "Gilmore Girls: Concert Interruptus (2001)". Internet Movie Database. Retrieved on 2007-11-25. Excerpts of the songs "Hero Takes a Fall" and "Eternal Flame" were featured in the concert that the Gilmore party attended.
^ Berick, Michael. All Together Now: Beatles Stuff for Kids of All Ages [B&N Exclusive]. All Music Guide. Retrieved on 2007-11-25.
^ Sleger, Dave. "Play it Again Sham!". All Music Guide. Retrieved on 2007-11-25.
^ Fink, Matt. "The Very Best of Robbie Fulks". All Music Guide. Retrieved on 2007-11-25. Although Fulks never says her name, the line "When the little one took the mike, I knew I'd fallen" suggests the particular "Bangle girl" he pines for is Susanna Hoffs, the shortest member of the group and frequent lead singer.

External links
The Bangles official website
The Bangles Discography
The Bangles at MySpace
Abby Travis interview at BassGirls.Com
Allmusic.com Entry
'The Bangles' Vocal Group Hall of Fame Page
'The Bangles BIO'

CONTACT INFORMATION

For Press inquiries:
Lauren Gaffney
P: 310.979.5604
LGaffney@shoutfactory.com

For Management inquiries/alternate Press Contact:
Russell Carter Artist Management
Russell Carter
567 Ralph McGill Blvd.
Atlanta, GA 30312
P: 404.377.9900
F: 404.377.5131
Russell Carter russell.rcam@gmail.com
Cathy Lyons cathy.rcam@gmail.com

For Booking inquiries:
Creative Artists Agency
Brett Steinberg
9830 Wilshire Blvd.
Beverly Hills, CA 90212
P: 310.288.4545
F: 310.288.4800
BSteinberg@caa.com

E-Mail for the Band Members can be sent to:
Debbi debbi.peterson@thebangles.com
Michael michael.steele@thebangles.com
Susanna susanna.hoffs@thebangles.com
Vicki vicki.peterson@thebangles.com

For all website user issues, Return Post Messageboard, and BnM Fan Club questions, please contact:
Gracie
Bangles N Mash
help@thebangles.com

'Snail Mail' for the Band Members can be sent to:
Bangles Mail
1341 W. Fullerton
Box #180
Chicago, IL 60614

To request an autographed photo*, send an 8X10 sized S.A.S.E. with proper postage to:
Autograph Request
c/o Bangles Mail
1341 W. Fullerton
Box #180
Chicago, IL 60614

*Autograph requests WILL NOT be accepted by email. For more information on obtaining a signed photo, please visit the FAQ in Bangles N Mash.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

CURIOSIDADES: QUANDO A MACONHA CURA



QUANDO A MACONHA CURA
Reportagem extraída da revista Superinteressante
(agosto de 1995, número 8, ano 9)

Está provado. Os efeitos medicinais da maconha beneficiam pacientes de câncer, Aids, glaucoma e esclerose múltipla. Mas os médicos do mundo inteiro se vêem num dilema crucial. Como receitar um remédio que é proibido?

Por Rosângela Petta

Desde logo, é importante deixar bem claro: o uso de drogas como maconha e outras substâncias alucinógenas ou psicotrópicas, sem orientação médica, é perigoso. O vício das drogas prejudica os jovens e constitui um problema social. A forma de resolvê-lo é uma discussão em aberto, mas não é o tema principal da reportagem que você vai ler a seguir. Aqui, você será informado sobre os efeitos medicinais da maconha, entenderá por que os médicos desenvolvem cada vez mais pesquisas nessa área, e por que, muitos deles, concluíram pela recomendação do uso terapêutico dessa droga. A comunidade científica começou a estudar a maconha a sério em 1964. Nesse ano, o pesquisador Raphael Mechoulan, da Universidade de Tel Aviv, em Israel, extraiu da erva natural uma substância chamada delta-9-tetraidrocanabinol. Era o THC, o principal responsável pelos efeitos da Cannabis sativa (nome científico da planta de maconha). Como também aprendeu a sintetizar o THC, Mechoulan viabilizou, pela primeira vez, o estudo sistemático de suas ações no corpo humano. Há muito tempo se ouvia falar nas virtudes terapêuticas da erva. Na verdade, a sua história é quase tão antiga quanto a civilização: há seis mil anos, aparecem no mais antigo texto medicinal conhecido, o Pen Ts’oo Ching, chinês, sugestões de uso da planta. Ela era indicada para problemas como asma, cólicas menstruais e inflama-ções da pele. E assim foi até recentemente, afirma o bioquímico John Morgan, da Universidade da Cidade de Nova York. “Nos Estados Unidos, a asma, a dor e o estresse foram combatidos com chás e outros preparados de maconha (mas não cigarros) comercializados por grandes empresas, como Parke Davis, Eli Lilly e Squibb.” O negócio acabou em 1937, quando a erva foi proibida nos EUA por lei federal. Após a descoberta de Mechoulen, a indústria voltou a se empenhar e, logo no início dos anos 70, surgiram os primeiros remédios à base de THC sintético, cujo uso é autorizado, em casos especiais, na Europa e nos Estados Unidos. Dois deles são fabricados atualmente: o canadense Nabilone e o americano Marinol. Em forma de cápsulas, eles ocuparam um mercado em crescimento: o dos pacientes de câncer e de Aids. É verdade que o THC também é benéfico em outros casos. Mas foi a gravidade dessas duas doenças que justificou a atenção dada à maconha como recurso terapêutico. A canabis não cura o câncer ou a Aids. O que ela faz com eficiência é aliviar o sofrimento decorrente dessas doenças. A partir de 1975, os médicos perceberam que o THC ajudava a superar crises de náusea e vômitos provocadas pela quimioterapia, tratamento que busca controlar os tumores cancerígenos. O mal-estar que decorre da quimioterapia pode se tornar intolerável se não for controlado e há pacientes que não conseguem dar continuidade ao tratamento. Por isso, o uso da maconha pode ser decisivo. Daí que na mais abrangente pesquisa americana, feita pela Universidade Harvard em 1991, 70% dos cancerologistas perguntados responderam que recomendariam o uso da erva natural se esta fosse legalizada. Quase metade (40%) disse que o aconselhava, mesmo sendo ilegal. Nesse mesmo ano, a Organização Mundial de Saúde reconheceu a maconha natural como medicamento. No caso da Aids, o efeito mais importante é o de estimular o apetite. Pacientes de Aids perdem em média 4 quilos por mês e podem morrer de desnutrição. O desejo de comer vem com a ajuda do THC. Alguns recorrem às cápsulas e outros aos cigarros, que continuam proibidos na maioria dos países. E a ilegalidade da maconha natural — para fumar — é um problema, porque grande número de médicos acha que ela é bem mais eficiente que a sua irmã artificial. Claro, isso não significa que ela seja indispensável. Mesmo porque há outros medicamentos disponíveis. Um exemplo, no caso do câncer, é a substância odonsetron, muito receitada. Em comparação, o Marinol tem eficiência apenas moderada, diz o oncologista brasileiro Sérgio Simon. Outro problema é que nem todos toleram os efeitos não medicinais do THC. São comuns os acessos de riso, moleza no corpo ou boca seca (veja infográfico na página 59). Com tudo isso, quem resumiu bem a questão foi o professor de Farmacologia Roberto Frussa Filho, da Universidade Federal Paulista/Escola Paulista de Medicina. “A maconha funciona”, disse ele à SUPER. “O que precisamos é avaliar se e quando vale a pena usá-la. Acho que pode se tornar uma opção para quem não aceita o tratamento convencional”. No decorrer dos anos 90 o estudo científico da maconha avançou muito, apesar de vários contratempos importantes. O maior deles foi criado pelo governo norte-americano na tentativa de dar mais força à campanha antidroga. Em 1992, por exemplo, os EUA cortaram um importante programa federal de pesquisas sobre o valor terapêutico da planta, tirando recursos valiosos dos cientistas. Também suspenderam as autorizações especiais para que alguns pacientes usassem cigarros, complicando o desenvolvimento das terapias. As autorizações, até certo ponto, contornavam o problema da ilegalidade. Que são muitos, como lembra o brasileiro André Vilela Lomar, infectologista do Hospital Albert Einstein, de São Paulo. Ele explica a situação em que estão os pacientes de Aids que aceitam bem o cigarro de maconha como estimulante de apetite: “Apesar disso, não recomendo. Justamente porque a maconha é ilícita, não se pode ter controle sobre a sua procedência, saber se está misturada a um mato ou se contém algum fungo”. No Brasil, a questão da legalidade atinge até o Marinol (comercializado nos Estados Unidos desde 1985), que utiliza o THC sintético. De acordo com o farmacologista Elisaldo Carlini, secretário nacional da Vigilância Sanitária, está sendo avaliada pelo Ministério da Saúde a possibilidade de liberar o uso do remédio. Carlini fez o anúncio há cerca de três meses. Mesmo com todos os obstáculos, esta década trouxe muitas novidades sobre a canabis. A mais sensacional foi a descoberta dos locais em que ela age, no cérebro. Isso é importante porque a planta contém cerca de sessenta substâncias, chamadas coletivamente de canabinóides. Elas são as responsáveis pelos efeitos da planta no corpo mas não se sabia exatamente como cada uma delas atua no organismo. Então, em 1991, descobriu-se que as células do cérebro têm uma substância, ainda sem nome, cuja função é reagir quimicamente com os canabinóides. Ou seja, é por meio dela que os canabinóides afetam o cérebro e, a partir daí, o resto do organismo. Substâncias desse tipo são denominadas “receptores” pelos cientistas. A receptora dos canabinóides foi identificada em 1991 por duas equipes de cientistas nos Estados Unidos, uma da Universidade de Saint Louis e outra do Instituto Nacional de Saúde. Desde então, uma busca cuidadosa revelou quais são as regiões do cérebro mais ricas em receptores. O mapa dos receptores já revelou pistas interessantes. Ele mostra que os compostos da planta atuam em regiões cerebrais relacionadas com a memória, com os sentidos, com a capacidade de aprender e com os movimentos do corpo, inclusive a sensação de equílibrio. E a maconha realmente afeta a memória, os sentidos, o aprendizado e o equilíbrio. Na prática, porém, ainda há muito o que conhecer. Os próprios efeitos da maconha ainda são incertos e podem ser contraditórios, como explica o farmacologista Isaltino Marcelo Conceição, do Instituto Butantã. “O THC é um depressor, mas quando a maconha é consumida em grupo costuma trazer euforia”. De acordo com o farmacologista Frussa Filho, é difícil comprovar os efeitos porque os estudos clínicos — nos quais se acompanha de perto o comportamento de um usuário — ainda são muito poucos. Também atrapalha o fato de a maconha ser usada, freqüentemente, em combinação com o álcool e com o tabaco. Por último, o entrave que parece ser o dilema decisivo atualmente: o da ilegalidade da droga. Como separar a maconha que pode curar daquela que está misturada às mazelas sociais do vício e do tráfico? Quando for possível dar uma resposta a essa questão, vai ficar mais fácil conhecer melhor as suas virtudes e os seus defeitos. A canabis está conquistando uma fatia dos negócios convencionais. Plantada em fazendas especiais, autorizadas pelo governo de alguns países, ela se transformou em uma fonte surpreendente de matérias-primas, com as quais se produzem desde cosméticos até papel, roupas e alimentos. Um bom exemplo desses produtos vai estar nos seus próprios pés em breve. Depois de um ano de testes, a Adidas está lançando, em todo o mundo, um novo modelo de tênis para passeio. Trata-se do Chronic, que, na gíria americana, significa fumante de maconha. Feito de cânhamo, a fibra que se encontra no caule e nos galhos mais robustos da planta de maconha, o Chronic tem um ínfimo teor de THC. “Estamos vendendo um conceito ecológico”, diz Marta Maddalena, gerente de produto da Adidas do Brasil, que vai importar o calçado. “Essa fibra não passa por processos químicos, não danifica o meio ambiente e tem uma cara rústica. É como arroz integral.” A idéia, sem dúvida, é boa. O mundo inteiro anda atrás de mate-riais alternativos. Em 1993, a Inglaterra colheu sua primeira safra de canabis inteiramente legal, plantada em 30 locais do país. As fazendas são subsidiadas pelo Fundo Agrí-cola da Comunidade Européia. Foram 7 500 toneladas de cânhamo, aproveitadas, entre outras coisas, na produção de papel. Resultado: desde os tradicionais saquinhos de chá e até formulários da justiça britânica são hoje produzidos a partir do arbusto. A França também pediu e obteve apoio da Comunidade Européia baseando-se em argumentos econômicos e ecológicos para fazer papel. Afinal, a canabis rende quatro vezes mais do que o eucalipto, com a vantagem de ter menos lignina, substância nociva ao meio am-biente. Itália e Espanha também estão processando fibras para fazer papel do mesmo jeito. Com muito mais motivo, os europeus passaram para os tecidos, cuja afinidade com o cânhamo vem de muitos séculos. No Egito dos faraós, ele era usado em cordas e velas de embarcações. No mundo moderno, ele está virando os hemp jeans (em inglês, hemp significa cânhamo). A fibra está sendo aproveitada ainda em pranchas de esquiar na neve, as snowboards. Na Suíça, a idéia foi transformar as folhas em xampus e cremes faciais. Tanto na Europa como nos Estados Unidos, se utilizam as sementes para obter prateleiras inteiras de supermercado: detergentes, fertilizantes, diversos óleos, molhos comestíveis e queijo vegetal.



Website Recomendado:
http://www.geocities.com/siteambiental/maconha2.htm

CURIOSIDADES: A AURA-SOMA



A Aura-Soma é uma terapia baseada no poder de cura das cores, que podem revelar o estado de espírito das pessoas.

Deixe-se absorver pelo intenso colorido dos frascos. Elimine todos pensamentos, use sua intuição e escolha quatro frascos. Cada um deles possui uma simbologia que pode lhe ajudar a compreender o seu momento e a sua missão nesta vida.

Para saber mais sobre Aura-Soma, leia a matéria
Mensagem na Garrafa.

TRANSCENDENDO

ALMA
Mensagem na garrafa


Os frascos de Aura-Soma podem ajudar a compreender o
sentido da vida. Esta terapia complementar já atraiu
milhares de brasileiros, que procuram se conhecer através da energia das cores

Por Alexandre Bello

Rosácea das Cores

Conheça o significadodas cores

“Tudo azul”, “vermelho de raiva” e “roxo de frio”. Quem já parou para pensar na influência da cor sobre o estado de espírito das pessoas? A Aura-Soma é uma terapia complementar capaz de interpretar a vida através da energia das cores. Seu objetivo principal é trabalhar o campo físico, emocional, mental e espiritual. A palavra “aura” vem do latim e está relacionada ao campo eletromagnético que circunda as pessoas, ou seja, à luz. Já “soma” em grego significa corpo. Assim, Aura-Soma é o corpo de luz.

Esta terapia, que foi criada em 1984, na Inglaterra, pela farmacêutica e vidente britânica, Vicky Wall, parte do princípio de que as cores possuem uma energia curativa. “A cor pode ser um elemento de cura na medida em que fala quem nós somos”, afirma a terapeuta holística e professora de Aura-Soma, Margarita Schack, alemã que trouxe este método de cura para o Brasil, em 1993. Atualmente, já são mais de 5 mil pessoas se beneficiando deste método só no Brasil.

A Consulta – Ao entrar no consultório, o terapeuta pede ao paciente para escolher quatro entre 103 frascos coloridos, chamados “óleos balanceados”, que ficam expostos em uma estante iluminada. A tarefa não é tão fácil quanto se imagina. Na hora da escolha, a recomendação é para que se elimine o preconceito e se utilize a intuição. Além disso, a luz ressalta as cores vibrantes dos vidros, tornando-os atraentes aos olhos. Os frascos contêm uma combinação de óleos essenciais, água sagrada, ervas medicinais e aromáticas, energia de cristais e minerais, que formam duas camadas de cores distintas (o óleo fica na fração superior e a água na inferior).

“A Aura-Soma não é uma terapia intrusa e dá liberdade total ao paciente. Ele sente o que precisa e decide tudo por si mesmo. Ninguém vai interferir neste processo”, diz Margarita. A ordem da escolha dos vidrinhos indica a história da pessoa, ou seja, o modelo a partir do qual ela evolui. A consulta, que custa de R$ 80 a R$ 120, costuma durar uma hora e meia. Cabe ao terapeuta fazer a leitura do que está “escrito” nos vidrinhos.

De maneira geral, o primeiro frasco escolhido revela a missão da pessoa na vida; o segundo frasco indica os problemas que precisam ser superados e os desafios; o terceiro é o “aqui e agora” em relação ao potencial desenvolvido; e o quarto e último frasco mostra o futuro. A partir do momento em que cada etapa é interpretada, o paciente passa por um processo de autoconhecimento. “O ponto positivo desta terapia é que a pessoa se conscientiza dos seus problemas emocionais, o que ajuda no seu desenvolvimento”, ressalta Margarita.

A farmacêutica e vidente Vick Wall, que fez os primeiros frascos de
óleos balanceados
Após a consulta, o terapeuta indica um dos frascos à pessoa, geralmente o segundo, para que ela passe o “óleo balanceado” no corpo uma ou duas vezes ao dia. Como cada frasco tem uma relação direta com a aura, o líquido deverá ser aplicado na região do chacra correspondente à cor do conteúdo do vidrinho escolhido. O preço do frasco de 50ml custa em torno de R$ 60.

O sistema terapêutico pode ser complementado com a utilização de outros produtos naturais como os pomânderes e as quinta-essências, substâncias compostas por 49 ervas medicinais e aromáticas, água sagrada e energia de cristais e minerais. Enquanto os óleos procuram trabalhar o corpo físico e os chacras, os pomânderes e as quinta-essências têm a finalidade de equilibrar o campo eletromagnético do indivíduo para protegê-lo das influências negativas.

Segundo o terapeuta de Aura-Soma Alberto de Abreu Sodré, o tratamento pode trazer diversos benefícios: no nível físico, alivia dores de queimaduras e contusões, controla a pressão alta, ajuda a combater doenças como cistite e distúrbios no sistema endócrino; no nível emocional, previne a depressão, complexos de rejeição e melhora a auto-estima; no nível mental, trabalha medos, insegurança, traumas, choques e pânico; no nível espiritual, proporciona paz, tranqüilidade e equilíbrio. “A maioria das pessoas vem ao consultório para superar problemas emocionais e de relacionamento”, afirma Sodré.

Fórmula do Além – O surgimento da Aura-Soma está diretamente ligado à vida de Vick Wall, uma mulher sensitiva e clarividente que enxergava a aura das pessoas. Em 1984, a farmacêutica tinha 66 anos e havia ficado cega em conseqüência de uma hemorragia nos olhos, quando recebeu as primeiras fórmulas das substâncias da Aura-Soma. Elas vieram do “além”.

Vick conta em sua autobiografia que durante uma meditação, escutou uma voz: “divida as águas, minha criança.” A história se repetiu mais duas vezes. Na terceira noite, ela foi ao seu laboratório e, “guiada por outras mãos”, criou os primeiros frascos de óleos balanceados, ainda sem saber para que serviam. Com o passar do tempo, descobriu primeiro que as pessoas sentiam-se atraídas pelas combinações das cores dos frascos e, depois, que os óleos curavam os problemas de alguns pacientes. Ela havia criado a terapia do espelho da alma.

Websites Recomendados:
http://www.semrodeios.com.br/
http://www.semrodeios.com.br/pcte_semanal/01_11_2005/Viva%20melhor/ATT01232.htm

RELIGIÃO - OS ARAUTOS DO EVANGELHO


O FUNDADOR: Pe. João Scognamiglio Clá Dias

Natural de São Paulo, já nos bancos escolares procurava organizar com seus colegas um movimento para dar aos jovens um sentido moral e virtuoso à existência. Ingressou nas Congregações Marianas e também na Ordem Terceira do Carmo, sendo um ativo líder universitário católico nos anos que precederam a revolução da Sorbonne, de maio de 1968. Cursou Direito na prestigiosa Faculdade do Largo de São Francisco, em São Paulo (sua cidade natal), ao mesmo tempo em que aperfeiçoava seus conhecimentos musicais com o renomado maestro Miguel Arqueróns, regente do Coral Paulistano do Teatro Municipal de São Paulo.

Prestou serviço militar na Companhia de Guardas, onde recebeu uma das maiores condecorações brasileiras por sua disciplina e aproveitamento: a “Medalha Marechal Hermes – Aplicação e Estudo”. Realizou arriscadas proezas como pára-quedista, em numerosos saltos.

Para os estudos teológicos aprimorou-se com os grandes catedráticos de Salamanca (Espanha), como o Pe. Arturo Alonso Lobo O.P., o Pe. Marcelino Cabreros de Anta C.M.F., o Pe. Victorino Rodríguez y Rodríguez O.P., o Pe. Esteban Gómez O.P., o Pe. Antonio Royo Marín O.P., o Pe. Teófilo Urdánoz O.P. e o Pe. Armando Bandera O.P. Como demonstração de profundo agradecimento aos seus mestres, divulgou anos depois as biografias de vários deles, com edições na Espanha e nos Estados Unidos: “Antonio Royo Marín, mestre de espiritualidade, brilhante pregador e famoso escritor”, “Pe. Cabreros de Anta CMF, firme pilar do Direito Canônico em nosso século”, etc...

Preocupando-se sempre com a formação dos jovens, organizou numerosas atividades culturais com clara inspiração católica, e também centros de acolhida. Em 1970 iniciou uma experiência de vida comunitária a fim de melhor se dedicar ao apostolado, em um antigo imóvel beneditino, em São Paulo. O movimento de evangelização se desenvolveu a ponto de ser reconhecido pela Santa Sé em 2001, como uma Associação Internacional de Direito Pontifício, os Arautos do Evangelho, que hoje estende suas atividades a 57 países.

Em todos os ambientes nos quais atuou, o Pe. João Clá destacou-se por seu testemunho de fé, sempre vivida e transmitida com alegria. Dotado de admirável oratória, proferiu palestras em vários auditórios da Europa e das Américas, demonstrando habilidade em infundir nos corações o entusiasmo para as verdades da Fé, o ânimo para a prática das virtudes e a certeza da vitória da Santa Igreja Católica na guerra contra o materialismo, o hedonismo e o relativismo dos nossos dias.

Dotado de fino talento musical, fundou mais de 30 coros e bandas sinfônicas – e também uma orquestra – em duas dezenas de países. Dirige o Coro e Orquestra Internacional dos Arautos do Evangelho, que já realizou turnês em vários países da Europa e das Américas, apresentando-se em famosas igrejas e teatros.

Seu ardente desejo de evangelizar moveu-o a escrever obras que tiveram grande divulgação, com tiragens de centenas de milhares de cópias (chegando algumas a superar um milhão de exemplares), publicadas em português, espanhol, inglês, italiano, francês, polonês e albanês: “Fátima, aurora do terceiro milênio”, “O Rosário, a oração da paz”, “Sagrado Coração de Jesus, tesouro de bondade e de amor”, “Medalha Milagrosa, história e celestiais promessas”, “Via Sacra”, “Jacinta e Francisco, prediletos de Maria”, “Os Mistérios Luminosos do Rosário”, “Orações para o dia-a-dia” e outras. Três livros devem ser mencionados em especial pelos trabalhos prévios de pesquisa: “Mãe do Bom Conselho”, “Dona Lucília” e “Comentários ao Pequeno Ofício da Imaculada Conceição”.

É membro, dentre outras, da Sociedade Internacional Tomás de Aquino e da Academia Marial de Aparecida. Foi condecorado em diversos países por sua atividade cultural e científica, recebendo, por exemplo, a Medalha de Ciências do México. Desde 2002 tem publicado regularmente os comentários ao Evangelho, na revista Arautos do Evangelho, com edições em português, espanhol e italiano.

QUEM SOMOS?

Os Arautos do Evangelho são uma Associação Internacional de Fiéis de Direito Pontifício, a primeira a ser erigida pela Santa Sé no terceiro milênio, o que ocorreu por ocasião da festa litúrgica da Cátedra de São Pedro (22 de fevereiro) em 2001.

Composta predominantemente por jovens, esta Associação está presente em 57 países. Seus membros praticam o celibato, e dedicam-se integralmente ao apostolado, vivendo em casas destinadas especificamente para rapazes ou para moças, os quais alternam a vida de recolhimento, estudo e oração com atividades de evangelização nas dioceses e paróquias, dando especial ênfase à
formação da juventude.

Os Arautos têm sua espiritualidade alicerçada em três pontos essenciais: a Eucaristia, Maria e o Papa.

Esses pontos estão representados em destaque no brasão que os distingue.

Seu carisma os leva a procurar agir com perfeição em busca da pulcritude em todos os atos da vida diária, mesmo estando na intimidade.

Por verem na cultura e na arte eficazes instrumentos de evangelização, os Arautos habitualmente lançam mão da música, tanto pelas vozes como pelos instrumentos.

Assim é que vários coros e bandas sinfônicas foram constituídos por Arautos, a fim de levar sua mensagem de fé, incentivo e confiança à humanidade atual.

O principal conjunto musical desses neo-evangelizadores - Coro e Banda Sinfônica internacional - foi constituído em São Paulo com membros oriundos de diversas nações, já tendo feito deslocamentos por cidades, estados, países e continentes, apresentando-se em igrejas, auditórios e estádios repletos de pessoas com sede de beleza e de espiritualidade.

A origem dos Arautos do Evangelho remonta aos anos 50, quando um grupo de jovens começou a se reunir para cantar,
conversar e rezar.

Três nomes merecem ser especialmente lembrados entre seus fundadores:

Pe. João Scognamiglio Clá Dias, atualmente Presidente Geral, fundador de numerosos grupos de jovens, profundo conhecedor de filosofia e de teologia, e amante da música;

Pe. Pedro Paulo de Figueiredo, atualmente Conselheiro Geral, orientador de almas e experimentado animador de grupos eclesiais;

Dr. Carlos Alberto Soares Corrêa, atualmente Secretário Geral, conferencista e historiador.

WEBSITE DOS ARAUTOS DO EVANGELHO: http://www.arautos.org.br/

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

BAIANOCULTURA



Baianocultura, expressões idiomáticas em baianês.

Colé, meu bródi! Olá, amigo.
Colé, miséra! Olá, amigo.
Colé, meu peixe Olá, amigo.
Colé, men! Olá, amigo.
Diga aê, disgraça! Olá, amigo.
Digái, negão! Olá, amigo. (independente da cor do
amigo)
E aí, viado! Olá, amigo. (independente da opção
sexual do amigo)
E aê, meu rei!? Olá amigo.
Ô, véi! Olá amigo.
Diga, mô pai! Oi para você também, amigo!
ÊA! Olá, amigo.
Colé de mêrmo? Como vai você?
É niuma, miserê. Sem problemas, amigo.
Relaxe mô fiu. Sem problemas, amigo.
Cê tá ligado qui cê é minha corrente, né vei? Você sabe que é meu
bom amigo, não é?
Bó up regui, negão? Vamos para a festa, amigo?
Aí cê me quebra, né bacana Aí você me prejudica, não é meu amigo?
Aooonde! Não mesmo!
Vô quexá aquela pirigueti. Vou paquerar aquela garota.
Vô cumê água. Vou beber (álcool).
Colé de mermo? O que é que você quer mesmo? (Caso
notável de compactação!)
Eu tô ligado que cê tá ligado na de colé de merma. Estou ciente
do seu conhecimento a respeito do assunto.
O brother tirou uma onda da porra. O cara se achou.
Tá me tirando de otário é? Está me fazendo de bobo?
Tá me comediando é? Está me fazendo de bobo?
Se plante! Fique na sua.
Se bote aí, vá! Chamada ao combate físico
Eu me saí logo. Eu evitei a situação.
Shhh... Ai, mainhaaa. Até hoje não se sabe a tradução. Sabe-se
apenas que nas músicas de pagode, o
vocalista está excitado com sua
respectiva amante.
Oxe! Todo baiano usa essa expressão para
tudo, mas um forasteiro nunca acerta
quando usa.
Lá ele! Ou Lá nele. Eu não, sai fora, ou qualquer outra
situação da qual a pessoa queira se
livrar ou passar para outro.
Lasquei em banda! Meteu sem dó nem pena.
Biriba nela mô pai. Manda ver! (no sentido sexual da coisa)
Ó paí ó. Olhe para aí, olhe!

Obs: Essa espressão foi utilizada pela primeira vez pelo capitão português Manoel da Padaria a frente da Nau Bolseta, que por infortúnio (leia-se burrice) perdeu-se da frota portuguesa no caminho para as índias e veio parar na Bahia. Desde então foi resgatada pelo povo baiano, assíduo leitor de Camões, já que trata-se de um texto apócrifo dOs Lusíadas, que nem os portugueses sabiam (Nenhum jamais concluiu a leitura do clássico). É muito usada por aqui, tanto que virou filme, peça teatral, música, marca de refrigerante, água de coco, barzinho, cerveja, igreja....

Num tô comeno reggae! Não estar acreditando ou dando muita
importância.
Num tô comeno reggae de (fulano)! Não estar com medo de
provocação/ameaça de (fulano)
Tome na seqüência misêre. Tomar o troco de algo ruim que VC fez
Eu quero prova e R$ 1,00 de Big-Big! Não acreditar. O Big-Big é um
chiclete muito valorizado por pessoas de
todas as classes.
Sai do chão! Frase típica e predileta das bandas de
axé. O intuito da mesma é de que
indivíduo se agite e curta o som tocado
em questão.
Rumálaporra! Agir violentamente contra alguém ou algo.
Picá a porra! Agir violentamente contra alguém ou algo.
Rumáladisgraça. Agir violentamente contra alguém ou algo.
Ei, ó o auê aí ô. Tida como única frase universal a
utilizar apenas vogais e ter sentido
completo, significa parem de baderna.
Bó batê o baba. Chamar os amigos para uma partida de
futebol.
Bó pro reggae. Chamar os amigos para a balada

Obs: Salvador é também conhecida por ser uma cidade cujo dialeto deu um LAR aos mais diversos impropérios do cancioneiro popular local
Possivelmente você um dia já foi convidado a visitar A casa da porra, a casa do caralho, a casa da desgraça!
Lá também existe a Casa de Noca que ninguém sabe onde fica, mas sabe-se que lá sempre o couro come.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

ENTREVISTA: DOMINGOS LEONELLI



ENTREVISTA: DOMINGOS LEONELLI
18/12/2007 00:00:01
Foto: Rita Barreto

"Os serviços turísticos baianos não chegam perto da nossa hospitalidade"

Por Daniel Pinto

Ele é uma das “figuras tarimbadas” da esquerda em Salvador e no Estado da Bahia. Ainda como integrante do diretório estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) cunhou a expressão “A luta continua!”, que se tornou símbolo da resistência ao autoritarismo vigente no Estado naquela época. Hoje, Domingos Leonelli é o secretário estadual de Turismo e ganhou um novo desafio: reverter a crise no setor turístico baiano após o apagão aéreo. Nesta entrevista ao “Bahia Notícias”, Domingos Leonelli revela as principais ações do Estado para superar o que ele chamou de “combinação terrível”, afirma que a não aprovação da CPMF pode reduzir as verbas para a Bahia, comenta os assaltos a turistas e o plano de ação para “reconstrução” do centro histórico, além de falar sobre a questão das barracas de praia da orla de Salvador e a concepção do PDDU. Isso e muito mais! Ao que tudo indica, a luta está só no começo.

Agora com a chegada da alta estação e a proximidade do carnaval, o Sr. teme que os resquícios do apagão aéreo diminuam o fluxo de turista no Estado?

Domingos Leonelli – Os efeitos negativos que poderiam advir pra nós já chegaram. Agora, a perspectiva é de melhora. As informações que eu tenho da rede hoteleira é que os hotéis do circuito da festa, que sempre fecham com quase 90% da sua capacidade de ocupação, já estão prestes a atingir essa meta. Obviamente, até mesmo no carnaval, os hotéis que estão fora do circuito demoram um pouco mais. Nós fizemos uma pesquisa no carnaval passado e derrubamos aquela idéia de que todos os hotéis da capital ficavam 100% ocupados nesse período. Só pra você ter idéia, neste carnaval tivemos aproximadamente 76% de ocupação.

Apagão aéreo e dólar baixo são uma combinação terrível.

DL – Sem dúvida, essa é uma combinação terrível! Não só para a Bahia, mas para todo Nordeste. Essa combinação prejudica tanto o turismo nacional como o internacional. Mesmo assim, dado as circunstâncias, as notícias que tenho são de que o verão começou bem. De uma maneira geral, os hotéis começam a receber um fluxo bom. Não há mais reservas para o reveillon em Porto Seguro. Estive em Itacaré recentemente e lá também as reservas estão aumentando. Enfim, o verão está indo bem.

Os vôos para Lençóis foram restabelecidos?

DL – Ainda não. Nós tínhamos dois vôos certos, mas as novas exigências da Anac em relação ao carro-pipa do Corpo de Bombeiros exigem uma capacidade de seis mil litros, enquanto o carro da região de Lençóis comporta apenas 1500. Mas, a compra do carro já foi autorizada pelo governador e eu estou aí cobrando do Corpo de Bombeiros a aceleração desse processo. Mas, nós conquistamos novos vôos regionais para Conquista, Barreiras e Paulo Afonso.

Mesmo assim, levando em conta as adversidades, as coisas começam a melhorar para o turismo em nosso Estado?

DL – Creio que sim! Com a alteração da medida do ministro Nelson Jobim (Defesa), nós tivemos uma vitória política muito importante. A limitação da distância de 1000 km para os vôos de Congonhas, imposta anteriormente, fez com que Salvador perdesse 28 vôos, Ilhéus e Porto Seguro perderam três vôos diretos. O aumento da distância limite para 1500 km restabeleceu esses vôos para a Bahia. Também está sendo implantado um sistema de cancelas e sinalizações no aeroporto de Ilhéus, de forma que vamos poder recuperar os 180 metros da pista, que, inclusive, tinha sido interditada.

Mas, o governo não vai construir outro aeroporto em Ilhéus?

DL – O aeroporto de Ilhéus não tem nenhuma possibilidade de crescer significativamente. Então, o governador Wagner conseguiu R$ 150 milhões do PAC para construção de um novo aeroporto. Esse ano, em termos de recursos para infra-estrutura pública, foi muito significativo. Nós firmamos compromissos importantes com o governo federal. Foram R$ 134 milhões para o saneamento da Baía de Todos os Santos, mais R$ 16 para recuperação de centros históricos, conseguimos recurso para qualificação de mão de obra. Vamos inaugurar agora o Sintur, que vai funcionar como um serviço de orientação e qualificação sobre a mão de obra turística.

Agora, com a não aprovação da CPMF, será que esses recursos estão mesmo assegurados?

DL – Eu temo que a não aprovação da CPMF reduza, de certa forma, o montante de repasses para a Bahia. É evidente que todos os orçamentos do governo federal vão encolher e nós precisamos de verbas da União, principalmente para o turismo.

Secretário, fala-se muito que a Bahia perdeu investimentos para outros Estados, principalmente para Pernambuco e Ceará. Dizem até que um grupo de empresários portugueses traria um importante empreendimento para a Linha Verde, mas foram atraídos pelos incentivos de Pernambuco. O que há de verdade nisso?

DL – Essa suposição é absolutamente irreal. Quando nós chegamos ao governo do Estado, a Bahia tinha registrado na superintendência de investimentos US$ 2,2 bilhões até 2010. Este ano, somente no ano de 2007, foram anunciados US$ 1,15 bilhão. Falo em anúncios porque os recursos não foram capitados, como também não foram capitados na gestão passada. Estamos cuidando do presente para projetar um futuro promissor. Mas, evidentemente, você pode ter empreendimentos que optaram por outros Estados. Cada Estado tem os seus valores e as suas formas de atrair investidores. A Bahia não exerce o monopólio na área de atração de empreendimentos (risos).

Mas, nesse aspecto, a Bahia é competitiva?

DL – A Bahia é muito mais competitiva do que todos os outros Estados de sua região. Prova disso é o volume de investimentos que nós temos, que é maior do que qualquer outro Estado do Nordeste.

Nos últimos cinco anos, o centro histórico de Salvador entrou num processo de intensa degradação. O governo tem algum plano de ação para reverter esse quadro?

DL – Muito bem, o governo estabeleceu um grupo de trabalho coordenado pela Secretaria de Cultura, que foi escolhida porque possui um órgão executivo que atua no centro histórico, que é o IPAC. A ação conjunta já iniciou com sucesso. Os espetáculos musicais já retornaram, o que deu um novo alento ao Pelourinho. Também estamos melhorando a relação com os comerciantes e com a comunidade. Houve a recomendação para reforço do policiamento e também foi solicitada a implantação de mais câmeras de segurança. Mesmo assim, é inegável que temos problemas. A verdade é que encontramos o centro histórico abandonado. Temos depoimentos de comerciantes do Pelourinho que afirmam que há mais de 12 anos não se fazia investimento naquela área. Então, é uma área que já vinha sendo degradada e que, por conta disso, nós a encontramos numa situação extremamente difícil. A partir da semana que vem a Secretaria do Turismo vai ampliar sua presença no centro histórico. Vamos ocupar o posto que pertence ao Sebrae e vamos implantar um centro integrado de atendimento ao turista. Além do posto de informações, serão vendidas passagens de ônibus para os principais destinos turísticos de nosso Estado, passagens de avião, tíquetes de espetáculos e ingressos para shows. Essa informação eu estou dando em primeira mão para o “Bahia Notícias”.

Agora, os constantes assaltos a turistas não mancham a imagem da Bahia, que é tida como terra hospitaleira e cosmopolita?

DL –Isso é péssimo! É muito ruim mesmo! Mas, essa questão não pode ser superdimensionada.

E quanto à escolta policial para os ônibus de turista vindos do exterior? Parece que só o Rio de Janeiro e a Bahia fornecem esse serviço.

DL – Olha, em relação ao assalto aos turistas alemães, a empresa que fez o transporte reconheceu que não solicitou escolta policial. Esse serviço funciona normalmente e foi reforçado para o verão. Nós temos possibilidade de escoltar conjuntos, é evidente que não há viabilidade para escoltar todo e qualquer ônibus ou van que saia do aeroporto de Salvador. Isso não é o ideal! Não é bom que uma excursão precise de acompanhamento policial para chegar com segurança ao seu destino. Isso é ruim, mas é “menos pior” do que um assalto. Sobre esse caso específico dos turistas da Alemanha, tanto eu quanto o governador acompanhamos de perto o desenrolar da situação. A informação que nós temos da delegada responsável pelo caso é de que já existem algumas pistas. Com isso, aumenta a esperança de localizar essa quadrilha e, talvez, recuperar parte dos bens roubados. Entendo que a situação não é boa, pelo contrário, ela é extremamente complicada. Mas, temos que enfrentar com uma ação conjunta de planejamento estratégico e prevenção policial. Com tudo, vamos solicitar à Secretaria de Segurança Pública o reforço do policiamento nos pontos turísticos e em toda extensão da Linha Verde. Mas, reitero que não podemos superdimensionar isso. Os assaltos não são rotina em nosso Estado.

Mesmo sendo casos isolados, dá pra ter uma idéia de como essa violência interfere no fluxo de turista na Bahia?

DL – Os efeitos disso não se dão em curto prazo. Quem já comprou pacotes turísticos, dificilmente refaz diante de uma notícia dessas. Agora, quem tem a intenção de comprar, pensa três vezes antes de fechar negócio. Só pra você ter idéia, a Universidade de Brasília – que tem um centro de estudos avançados em turismo – fez um cálculo em parceria com entidades internacionais, de que uma notícia de violência pode significar até cinco mil desistências de viagem no mundo inteiro. Portanto, isso é muito preocupante.

Por falar em violência, o Sr. tem acompanhado o imbróglio judicial que se tornou o processo das barracas de praia em Salvador?

DL – Tenho sim. Eu tenho certos limites para me referir a isso porque, como você sabe, eu fiz parte do governo João Henrique. Como secretário de Economia, Emprego e Renda do município eu não tive participação nessa decisão. Infelizmente não foi implantando um comitê de desenvolvimento econômico, como eu havia proposto. Isso foi um erro da administração. Um erro nosso porque na época eu fazia parte da administração municipal. No setor público nós erramos quando não tomamos decisões certas e também erramos quando não corrigimos uma besteira a tempo. Lamentavelmente até mesmo a ação do Ministério Público veio tarde demais. Nós reagimos tarde demais a essa questão. Acho que foi um erro coletivo que precisa ser corrigido o quanto antes.

Em relação ao atendimento ao turista, como o Sr. avalia a qualidade dos serviços prestados em nosso Estado?

DL – Temos que aprimorar a qualificação dos profissionais que atendem aos turistas. Tanto a qualificação empresarial como a profissional deixam muito a desejar. Os serviços turísticos baianos não chegam perto da nossa hospitalidade. Na verdade, são inteiramente contraditórios.

Verdade, o sentimento é esse mesmo.

DL – Nós temos um sorriso lindo e um serviço sofrível. Então, temos que trabalhar para juntar o sorriso à eficiência.

Mudando de assunto, o Sr. gostou do resultado da pesquisa Datafolha para sucessão municipal em Salvador?

DL – Pesquisa a gente não gosta nem desgosta, apenas constata (risos).

Mas, o que o PSB está planejando para a eleição municipal? O PSB tem um projeto paralelo para a capital?

DL – Nós temos propostas que inclusive já estão sendo apresentadas pela ex-prefeita Lídice da Mata. Lamentavelmente as ações promovidas pelo PSB na Secretaria de Economia, Emprego e Renda não foram contempladas na composição do PDDU. Até porque os principais vetores econômicos de nossa cidade não foram considerados neste Plano Diretor. Em hipótese alguma esses vetores poderiam ser desconsiderados na etapa de planejamento físico da cidade. Na nossa concepção, a liberação de construções na orla marítima de Salvador deveria ser condicionada a empreendimentos que gerassem emprego e renda e não para especulação imobiliária. Isso pode ser feito em outras áreas da cidade, como inclusive tem acontecido com sucesso. Como todos sabem, o mercado imobiliário não depende da orla. A orla deve ser reservada para instrumentos econômicos: oceanários, restaurantes, hotéis, marinas, etc. Enfim, atividades que gerem riqueza para a cidade e que prendam o turista mais tempo por aqui.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

FELIZ NATAL - MERRY CHRISTMAS - FELIZ NAVIDAD



FELIZ NATAL - MERRY CHRISTMAS - FELIZ NAVIDAD

Deus te abençoe e te encha de prosperidade e felicidade!
May God bless you and fill you with prosperity and happiness!
¡Qué Dios te bendiga y te llene de prosperidad y felicidad!

Feliz ano novo!
Happy new year!
¡Feliz año nuevo!

FESTIVAL DE MÚSICA DA EUROVISION – BELGRADO 2008



Hello Europe! The 2008 Eurovision Song Contest will take place in Belgrade, the capital of Serbia, and will be organized by Serbian public broadcaster RTS and the European Broadcasting Union (EBU).

An estimated 43 countries wil take part in two Semi-Finals (on the 20th and 22nd of May), and a spectacular Final on the 24th of May! Host country Serbia, Spain, France, Germany and the United Kingdom already qualified for the Final on the 24th of May, and participants from 10 countries will qualify in each of the two Semi-Finals. It is the 53rd running of the Eurovision Song Contest.

The event takes place at the Belgrade Arena, one of the largest indoor sports and event venues in Europe. Information about ticket sales, media accreditation and accomodation facilities for delegates, accredited journalists and fans will become available early 2008, so keep an eye on Eurovision.tv.

The official website of the 2008 Eurovision Song Contest will be launched on the 15th of January. Meanwhile, stay updated about the latest news through the Helsinki 2007 website and the RSS feed.

New Eurovision.tv on 15th of January

The 2008 edition of the official Eurovision Song Contest website will be launched on the 15th of January, 2008.

The new Eurovision.tv will be completely redesigned to become the foundation of the new Eurovision Family of websites. In the second half of 2008, the official websites of the Junior Eurovision Song Contest and Eurovision Dance Contest will also be integrated into the Eurovision Family of websites, bringing the three Eurovision events closer than ever before.

"Suggestions and requests from fans and the participants are an integral part of this new design. To cover the enormous scope of the Eurovision Song Contest, Eurovision.tv will emphasise more strongly, the national selections across Europe," Sietse Bakker, Project Manager Internet of the Eurovision Family says.

During the 2007 Eurovision Song Contest, the European Broadcasting Union (EBU) cooperated with the presenting partner TeliaSonera, providing daily video updates on the website, through mobile phones in various countries, and on large video screens across Helsinki.

"Our cooperation with TeliaSonera was a great example of a true cross-media buzz. The Eurovision Song Contest has always been on the front lines of technology, and with our cross-medial activities we would like to do the same," says Nicoletta Iacobacci, Head of Interactive TV at the EBU's television department.

After its success earlier this year, Eurovision.tv will again hold an official karaoke competition for fans of the Eurovision Song Contest.

As the Eurovision Song Contest comes closer, Eurovision.tv is one of the most popular entertainment websites in Europe.

Do you have exciting ideas for the new website, or would you like to contribute? Send your ideas to info@eurovision.tv and we will get back to you as soon as possible.

'New record number of participants'

The 53rd Eurovision Song Contest might break the record number of participants. In Helsinki, 42 countries took part in the contest.
Svante Stockselius, Executive Supervisor of the Eurovision Song Contest on behalf of the European Broadcasting Union (EBU), confirmed that to Eurovision.tv. By mid-December, the EBU will unveil the official and final list of participants of the 2008Eurovision Song Contest.

'San Marino to join'

According to our inside sources, one of the countries that might help us to break the record is San Marino. Landlocked by Italy, it is one of the oldest constitutional republics in the world, founded in 301. It's 61 square kilometers and has a population of approximately 30,000. Italian is the official language. After a decade of absense, San Marino's participation in the Eurovision Song Contest would also be a great opportunity for Italy to pick up the vibe of the biggest entertainment event in Europe again.

Azerbaijan revealed participation

Azerbaijan's public broadcaster confirmed their participation in a press release. It is the largest and most populous country in the South Caucasus region of Eurasia. Located at the crossroads of Eastern Europe and Western Asia, it is bounded by the Caspian Sea to the east, Russia to the north, Georgia to the northwest, Armenia to the west, and Iran to the south.

Stay tuned for the final list of participants, to be released in a couple of weeks!

2008 winner goes on Winner's Tour!

The winner of the 2008 Eurovision Song Contest will again be sent on tour by the European Broadcasting Union!

After the 2007 Eurovision Song Contest, winner Marija Šerifović was offered a pre-arranged and pre-paid promotional tour around Europe. From Finland, Marija travelled home to Serbia, to celebrate her victory. From Serbia, Marija and her entourage travelled from Denmark to Spain, Sweden, the Netherlands, Greece and Germany, with a private plane. The most impressive appearance was in Sweden, where thousands of people gathered at the Gallerien shopping mall in Stockholm to see Marija performing her winning song, Molitva.

The 2008 winner will again be offered a pan-European Winner's Tour. During the tour, the lucky winner will visit television shows, press conferences, attend signing sessions and perform, all to promote the winning song and the Eurovision Song Contest. The final schedule of the tour will be announced in March or April.

Participating broadcasters must ensure their artist is available for the Winner's Tour. As during the first Winner's Tour, Eurovision.tv will extensively cover the trip of the lucky winner.

Link: The official 2007 Winner's Tour website, powered by Nobel Biocare

Revamp for Eurovision Song Contest

At its 53rd running, the Eurovision Song Contest is undergoing an important revamp! Eurovision.tv exclusively presents you the details.

First Semi-Final: Tuesday, 20.05.2008
Second Semi-Final: Thursday, 22.05.2008
Final: Saturday, 24.05.2008
Preliminary date for rehearsals to start is Sunday, 11th of May, which means the preliminary opening date of the press centre and the accreditation desk is Saturday, 10th of May.

Six pots

To determine which country will be represented in which Semi-Final, a draw will take place in late January. Based on research conducted by the EBU’s tele-voting partner Digame, analyzing the voting of the Eurovision Song Contest since 2004, the participating countries will be divided into six pots to avoid returning voting patterns.

Big Four-countries

Each broadcaster will of course have to broadcast the Semi-Final they are taking part in. Broadcast of the other Semi-Final is optional. Host country Serbia and the so-called Big Four-countries Spain, France, the United Kingdom and Germany, are automatically qualified for the Final. It was decided that each of the qualified Finalists will have to broadcast and vote in one of the Semi-Final, along with those countries that are taking part in it. Broadcast of the other Semi-Final is optional. By draw, also late January, it will be decided which two of the Big Four-countries will broadcast and vote in the first Semi-Final, and which two in the second Semi-Final. Finally, a draw will determine in which Semi-Final the host country will be able to vote.

The draw for the running order of the two Semi-Finals and the Final will take place during the Heads of Delegation meeting in mid-March.

Backup jury gets important new role

In each Semi-Final, the top-9 from the public tele-voting results will qualify for the Final. The highest ranked back-up jury participant that did not qualify for the Final at the public tele-voting will also qualify for the Final. This means in each Semi-Final, 10 participants will qualify for the Final, bringing the total number of participants in the Final to 25. The voting in the Final will remain unchanged and all participating countries, including those who did not qualify for the Final, will be able to vote.

Svante Stockselius, the EBU’s Executive Supervisor of the Eurovision Song Contest, said to Eurovision.tv: "We are confident that the approved format revisions will take the Eurovision Song Contest to a higher level, by adding exciting elements and, above all, by making the competition more fair and the results more credible."

Who's in, and who's out for Belgrade?

While exciting news about the upcoming Eurovision Song Contest is about to break, the application term for public broadcasters to take part in the 53rd running of the competition has ended.

Public broadcasters who are Active Member of the European Broadcasting Union (EBU) all have the right to apply for the ticket to the Eurovision Song Contest. But who's in for Belgrade, and who's out since Helsinki? Following tradition, the complete and final list of countries taking part in the 2008 Eurovision Song Contest will not be announced before the end of December. However, there is plenty of gossip going around on the internet about who will be sending a participant to Belgrade, and who will not...

Armenia and Israel already announced their singers for the 53rd Eurovision Song Contest. Iceland and Bulgaria started their selection process, to find their candidates for Belgrade. Swedish broadcaster SVT announced the song titles of their four Melodifestivalen semi-finals, while Finnish broadcaster YLE announced the 12 participants for the local selections. Denmark, Norway, Estonia, Latvia and Lithuania already announced more details about their national selections, and so did Malta, Ireland and Belgium. Andorran television announced to support their entrant for the upcoming contest with EUR 31,200 for the official music video. Rumours about who will be representing the Netherlands and Greece might as well keep some of you awake.

Last week, Montenegro was the main topic of discussion within the online fan community of the Eurovision Song Contest. Would they take part in Belgrade, or not? Yesterday, Austrian media reported that broadcaster ORF decided not to send a representative to Serbia. Will Slovakia come back to join the growing Eurovision Song Contest family, since being represented last in 1998? Will the flag of Monaco wave in Belgrade? Will San Marino take part for the first time?

One thing is for sure; Around 40 countries will send in their best, most extravagant or even controversial singers to Belgrade in May 2008, to compete for the grand prix of the 53rd Eurovision Song Contest. Keep an eye on Eurovision.tv for the latest news, gossip and inside stories about the upcoming Eurovision Song Contest!

[UPD] Israel and Armenia name their 2008 entrants!
While speculations about several possible 2008 Eurovision Song Contest participants keep the most dedicated fans and media busy, both Israel and Armenia have actually announced their singers for Belgrade. Their songs will be chosen during televised selection events, to take place at a later stage.

Israel sends pop idol winner

Israel, the winner of the 1978, 1979 and 1998 editions of the contest, will be represented by Boaz MAUDA who won the latest edition of the local casting show Kochav Nolad. Boaz MAUDA will perform 5 songs in a televised national final in February and televoters and a special jury will decide about the winner. Boaz - who is of Yeminite origin - has always said that it was a lifelong dream of his to participate in the Eurovision Song Contest and he hopes to continue his success with a good placing in Belgrade in May. The odds of this are very good: in 1978 and 1998 Israeli singers with Yeminite roots managed to win the Eurovision Song Contest!

Leading female singer for Armenia

Armenian television hopes to charm the European audience with the popular SIRUSHO who's seen as the leading female singer in her home country. Just like the Israeli singer Baoz MAUDA, Sirusho HARUTYUNYAN will have her own national final in January or February on Armenian television. She will perform several songs there which will be selected at a later stage. The 20-year-old singer released her first album in 1999 and her second one Sheram was published in 2005. For this, she managed to win the categories Best Album and Best Female Singer in the Armenian National Music Awards. Sirusho HARUTYUNYAN also had the opportunity to present her music outside of Armenia as she gave concerts in eg. the USA, Canada, Russia and Greece. Armenia finished 8th in the 2006 and 2007 Eurovision Song Contests - will Sirusho even top these great results?

Reference Group concludes Belgrade visit

This weekend, the Reference Group of the Eurovision Song Contest concluded their second visit to Belgrade, host city of the 2008 Eurovision Song Contest. Host Broadcaster RTS hosted the meeting at the Belgrade Continental Hotel, also the main official hotel for the upcoming contest.

"This might be the most important Reference Group meeting since 2003, when the new format featuring one Semi-Final was accepted," Svante STOCKSELIUS, Executive Supervisor of the Eurovision Song Contest on behalf of the European Broadcasting Union (EBU) said. The Reference Group is the governing body of the song contest, representing the Members of the EBU.

Belgrade 2008 theme artDuring the two-day meeting, Host Broadcaster RTS updated the Reference Group about their progress, recent developments and plans for the upcoming contest. One of the topics discussed was the theme art for Belgrade 2008. Executive Producer of the upcoming contest, Ms. Sandra SUSA, presented a restyled version of their initial proposal, which won the local design competition RTS organized. The Reference Group gave RTS new feedback and a final decision is expected to made before the end of the year.

Official websiteThe official website of the 2008 Eurovision Song Contest will be launched on the 15th of January. The website is a production of the Interactive Unit of Eurovision TV, the TV department of the EBU. Host Broadcaster RTS and the EBU will cooperate on the production of the website. As in previous years, the Eurovision Song Contest as well as its Semi-Finals will be streamed live on the web.

Further format changes proposedDuring the meetings, the Reference Group discussed a proposal to hold the first part of the draw late January, to decide which country takes part in which Semi-Final. The countries would be drawn from pots. Traditionally, the actual running order would then be drawn in March at the Heads of Delegation meeting in Belgrade. The group also proposed to hold the two Semi-Finals of the 2008 Eurovision Song Contest on separate days, respectively Tuesday 20th and Thursday 22nd of May. This Friday, the Reference Group will forward its plans to the EBU’s TV Committee in Geneva for final approval.

As soon as approved by the TV Committee, Eurovision.tv will update you on all details regarding changes in the format of the Eurovision Song Contest.

eurovision.tv is the official website of the Eurovision Song Contest

Hind for the Netherlands, Gisela for Andorra''Hind for the Netherlands, Gisela for Andorra. What would the Eurovision Song Contest be without a good piece of gossip each now and then? Eurovision.tv updates you on the latest rumours...

According to Spanish and Andorran media, the Catalan singer Gisela will represent the mini-state at the 2008 Eurovision Song Contest in Belgrade. While her management claims that a deal with the Andorran public broadcaster is due, the television station stays quiet.

In the Netherlands, showbizz watcher Albert VERLINDE decided to call the top producers and song writers of the country, asking how it's going with the preparations for the Eurovision Song Contest. One of them revealed that former Dutch Pop Idol participant Hind will represent the country in Belgrade. Broadcaster NOS did not make any official comments yet.

What we also picked up...

While rumours about the 2008 participants are slowly making their way through the Eurovision Song Contest fan scene, Eurovision.tv picked up some interesting information in Belgrade. Whereas it was already known that as from 2008, two Semi-Finals will take place, we have strong indications that the draw for the running order is subject to a revamp! Stay with us for the latest news, as more detailed and officially confirmed information will be announced by the Reference Group of the contest next week.

Europe prepares for Belgrade
Nov 06, 2007 at 08:34 PM
With still more than five months on the count down counter towards the 2008 Eurovision Song Contest, Europe is looking ahead with the following question in mind: Who do we send to Belgrade?
In Iceland and Bulgaria, the respective national public broadcasters already kicked off with their national selections. After numerous semi-finals, national finals should then dedice who will represent Iceland and Bulgaria in Belgrade.

More than 3,000 entries in Sweden
Several other countries already announced details about their selection methods for the upcoming Eurovision Song Contest. In Sweden, more than 3,000 songs were submitted to broadcaster SVT, out of which a selection committee hand-picked the 28 songs for Melodifestivalen 2008. After four semi-finals, a second-chance heat and a grand final at Stockholm's Globen Arena, Europe will know Sweden's representative for the upcoming Eurovision Song Contest. For those who can't wait to find out, we have disappointing news; The Swedish final takes place on 15th March, which leaves plenty of time to speculate about the performers of the songs and the potential finalists.

On the 14th and 15th of December, the national semi-finals in Albania take place. On the 16th, we will know who will succeed Frederik NDOCI and his wife Aida. They represented Albania at the 2007 Eurovision Song Contest in Helsinki, Finland.

Selections underway across Europe

Several other broadcasters announced how and when they will pick their country's representative for Belgrade. From Finland to Malta and from Estonia to Denmark, preparations for the national selections are underway. The Dutch-speaking part of Belgium, Flanders, is looking forward to the Eurosong 2008 semi-finals, while Dutch broadcaster NOS has announced that the artist representing the Netherlands will be picked internally.

What to expect
Eurovision.tv will keep you posted about the national selections on a regular basis. In January, Eurovision.tv will unveil the website for Belgrade 2008. Between January and mid-March, we will extensively cover the national heats and the preparations in Belgrade. The second half of March and April are completely dedicated to the upcoming contest and the preparations of the participating singers.

The 2008 Eurovision Song Contest will take place in Belgrade, Serbia, on 22nd and 24th of May.

Toše PROESKI died in car crash

Oct 16, 2007 at 12:31 PM
Tuesday morning, Macedonian singer Toše PROESKI tragically died in a car accident on the Zagreb-Lipovac highway near Nova Gradiška, Croatia.


The singer and songwriter was only 26 years old. Toše represented FYR Macedonia at the 2004 Eurovision Song Contest with the song Life.

PROESKI, born on 25 January 1981, rose to stardom across the Balkan and was widely respected for his music, as well as for his humanitarian work. He was awarded with the Mother Theresa Humanitarian Award and in 2003 he became a Regional UNICEF Ambassador.

The organizers of the Eurovision Song Contest would like to express their condolences to the relatives of Toše PROESKI and the deepest sympathy to his many dedicated fans from across Europe. •

Eurovision Song Contest 2004 - FYR Macedonia - Toše PROESKI - Life

You Tube - Live:

http://www.eurovision.tv/content/view/895/262/

Executive Supervisor explains revised format
Oct 01, 2007 at 02:45 PM
Svante STOCKSELIUS, Executive Supervisor of the Eurovision Song Contest on behalf of the European Broadcasting Union (EBU), gives more details about the revised format. Before the weekend, Eurovision.tv announced that two Semi-Finals will take place to find the Finalists of the 2008 Eurovision Song Contest.

You might ask yourself, when are those two Semi-Finals taking place? "The details are yet to be decided upon, but the proposal is based on the idea that the two Semi-Finals of the 2008 Eurovision Song Contest will be aired simultaneously on Thursday, 22nd of May from Belgrade, Serbia. If the two Semi-Finals will both be recorded, whereas only the results will be broadcast live, or if one of the Semi-Finals will be aired live and the other one recorded, is unknown yet," Svante STOCKSELIUS explains.

"Each Semi-Final is only being aired in the countries that are taking part, and only viewers from countries that take part in each respective Semi-Final can vote," he adds. All participating broadcasters can broadcast the Semi-Final(s) they are not taking part in later as well, and the Semi-Finals will be webcasted live through Eurovision.tv. To serve the fans, both Semi-Finals will also be made available on-demand the next day.

"To produce the two Semi-Finals live on different nights will result in high extra costs for both the Host Broadcaster and the participating Members," STOCKSELIUS explained.

To qualify for the Final

Another possible change that is currently being considered is that From each Semi-Final, the top-9 ranked countries of the tele-voting qualify for the Final, to be aired live from Belgrade on the 24th of May. In each Semi-Final, the highest ranked country of the back-up juries that it not in the top-9 yet will receive a wildcard to the Final as well. In total, 10 countries per Semi-Final qualify for the Final, bringing the total amount of Finalists to 25. "Usually, the results from the tele-voters and the back-up juries are not very different. However, this procedure, if it should be decided upon, adds extra excitement to the show and gives the back-up jury a more prominent meaning. It is also an answer to the many requests we received to use a mixed tele-voting/jury system," STOCKSELIUS says.

More details about the final decisions of new format and the draw for the running order of each Semi-Final will be revealed later.
Two Semi-Finals to qualify for 2008 Final in Belgrade
Sep 28, 2007 at 03:33 PM
At the 50th meeting of the TV Committee of the European Broadcasting Union, today in Verona, it was decided to approve the proposal of hosting two Semi-Finals for the 2008 Eurovision Song Contest.

The proposal was forwarded by the Reference Group of the contest. Only the Host Country, France, Germany, Spain and the United Kingdom are automatically qualified for the Final. All other participants will be grouped into two Semi-Finals.

Stable future

"We are convinced that the introduction of a second Semi-Final contributes to a more stable future for the Eurovision Song Contest," Executive Supervisor Svante STOCKSELIUS says to Eurovision.tv from Verona. "We carefully listened to the suggestions of Members and fans and we took notice of the critical remarks in the press. After evaluating several scenarios, it was decided to introduce a second Semi-Final already in 2008. This increases the fairness of the competition, opens doors to a more interesting Final and production-wise, it is the most flexible solution," he underlined.

Details later this year

The Reference Group and the producers of the 2008 Eurovision Song Contest are currently finalizing the details of the revised format. Details on when the two Semi-Finals will take place, the draw procedure and the conditions for qualification to the Final will be announced later this year.

Helsinki hands over to Belgrade!
Sep 13, 2007 at 07:36 PM
The City of Helsinki will hand the Host City honours of the Eurovision Song Contest over to Belgrade on Friday, 14th of September. On the same occasion, Belgrade will be presented with the symbolic Helsinki Insignia, which in the future will be circulated from a host city to the next.

The ceremony and Helsinki Insignia have been developed in co-operation between the City of Helsinki, the Finnish Broadcasting Company (YLE) and the European Broadcasting Union (EBU). The initiative came from the Event Manager of the 2007 Eurovision Song Contest, Kjell EKHOLM, at YLE. The Host City Handover ceremony will take place in Belgrade, and Lord Mayor Jussi PAJUNEN will act for Helsinki. He will be accompanied by Cultural Director Pekka TIMONEN.

Helsinki Insignia has been created through Helsinkian efforts. It was designed by Anteeksi Group and manufactured by jewellery designer Taru TONDER. The symbol is a key ring of sorts, with the following texts engraved by hand:

Eurovision Song Contest Host City
A list of all host cities with dates up to 2006
Manufacturing marks: Helsinki 2007 and the manufacturers' initials
Furthermore, the key ring is garnished by a plaque with a photo of Senate Square during the Song Contest on one side and the following text on the other: "The future host cities can attach their own town gate key and symbols to the key ring."

The Host City Exchange will take place in the City Hall of Belgrade on 14 September at 14:00–14:30. Lord Mayor of Helsinki Mr Jussi PAJUNEN, assisted by the Head of the Culture Department Mr Pekka TIMONEN, will hand over a ring of keys to the Deputy of the Lord of Belgrade Ms Radmila HRUSTANOVIC. Before the hand over, Mr Jussi PAJUNEN will say a few words and wish the City of Belgrade the best of luck and big success with the 2008 Eurovision Song Contest. After this, Mr PAJUNEN will open the key ring and put the Helsinki city key in the ring and then hand it over to the Deputy of the Lord of Belgrade.

Next year, the representatives of the City of Belgrade will go to the Host City for the 2009 Eurovision Song Contest and do the same procedure.

Saturday, the first ever Eurovision Dance Contest takes place in London! Visit the official website of the competition for more information.

The show is a two-hour and 15 minutes programme developed by two UK companies, Splash Media Productions and Sunset + Vine. Splash Media Productions is managed by the two main creators of the internationally renowned and highly successful format Strictly Come Dancing, while Sunset + Vine is the UK’s biggest sports producer, well connected to the International DanceSport Federation (IDSF).

Along with millions of other Europeans, you will get a chance to cast in your vote and show your ballroom expertise by televote and SMS voting on the two dance pieces performed by each couple. The first is a ballroom or Latin dance, while the second is a freestyle dance, incorporating a national flavour.

The first Eurovision Dance Contest edition will bring together skilled and professional dancing couples from 16 European countries and kicks off at 21:00 CET this Saturday.

Visit the event's official website at www.eurovisiondance.tv.

domingo, 16 de dezembro de 2007

WILD - Banda Feminina Inglesa (Violinos e mais...)



SAIBA MAIS SOBRE ELAS NO SITE LOGO ABAIXO:

http://www.wildmusic.co.uk/home.html

WILD no you tube:

http://www.youtube.com/watch?v=h-FiN87yF2M

Wild were a five-piece classical female group. They were often compared to Bond, due to the very similar makeup and style of both groups.

Wild played a range of different genres on their debut album Time. Their music ranges from Latin beats to Celtic inspired. Wild's also plays the main theme of the TV Show, 'Robinson Crusoe' exclusively at their concerts. The album features a version of the song "The Eve of the War" from Jeff Wayne's Musical Version of The War of the Worlds, which was produced by Wayne himself.

Wild made their debut in 2005, when they were the ambassadors for the Spring Racing Carnival in Melbourne, Australia. Their music was constantly used on Channel 7.

It is confirmed by EMI that the group has split up.

Time is the firt album released by the British-Serbian Classical Crossover quintet Wild. Their debut contains 12 tracks and 5 of them, were composed by Tonci Huljic (composer for bond too). It was released on July 4th, 2004 in the UK. The concert in which they debuted the album in the London Hippodrome is available in their DVD: Wild: The World Premiere Performance.

Jornal Bahia Negócios - Edição 133 - dezembro/2007




Salvador - Bahia - Brasil - dezembro de 2007 - ANO XIII - Nº. 133
LEIA AGORA NA EDIÇÃO ELETRÔNICA DO JORNAL BAHIA NEGÓCIOS Nº 133 - Dezembro DE 2007:
1 - Perrnambuco ameaça a Bahia: em 2 anos será o primeiro estado do Nordeste;
2 - Ferrovias e portos baianos terão investimentos de R$ 3, 390 bilhões até 2010;
3 - Operadora Claro se prepara para colocar, em 2008, a internet pré-paga no Brasil;
4 - Márcio Cypriano, presidente do Bradesco, recomenda cautela na liberação de créditos;
5 - Nova praga - fungo monília - poderá destruir toda a lavoura de cacau do sul da Bahia;
6 - Nizan Guanaes faz o Carnaval de Salvador pensando em se candidatar a Prefeito.

Visite o site para visualizar o jornal
http://www.bahianegocios.com.br/dezembro.2007/
Notícias exclusivas de política, economia, turismo, educação, indústria, comércio, aviação, imóveis, telecomunicações e as informações de bastidores na Coluna de Geraldo Vilalva.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

CURSO DE FORMAÇÃO DE TRADUTORES



Forma de pagamento:

Para matrículas até 21/12/2007: R$ 387,00.

R$ 193,50 à vista no ato da matrícula, mais cheque pré-datado de R$ 193,50 para 07/01/2008.

Para matrículas após 21/12/2007: R$ 450,00.

R$ 225,00 à vista no ato da matrícula, mais cheque pré-datado de R$ 225,00 para 07/01/2008.

Filiados SINTRA/ABRATES e ex-alunos: R$ 360,00.

R$ 180,00 à vista no ato da matrícula, mais cheque pré-datado de R$ 180,00 para 07/01/2008.

Atenciosamente,

Luciana Camposo
Flash Idiomas
Travessa do Ouvidor, 17 / 3º andar
Centro - RJ
Cep: 20040-040
Tel. / Fax: (21) 2510-7000
luciana@flashidiomas.com.br
www.flashidiomas.com.br

“Ninguém transforma ninguém, ninguém se transforma sozinho.
Nós nos transformamos no encontro”

(Paulo Freire)